Título da Dissertação:

SINTOMAS OSTEOMUSCULARES E QUALIDADE DE VIDA EM CUIDADORES DE IDOSOS DEPENDENTES


Autores:

MARCOS VINÍCIUS RUSKI


Orientadores:

André Trevisan


Palavras-Chave:

Idoso. 2. Cuidador. 3. Sintomas osteomusculares.4. Qualidade de vida. I.Trevisan, André. II.Titulo


Resumo:

O Brasil caminha para um país de idosos, com aumento do número de idosos e com baixos níveis de fecundidade. Quanto mais idoso a pessoa se torna mais dependente ela pode ficar de terceiros para realizar suas atividades de vida diária e higiene pessoal. Tal fato tem despertado a atenção para os problemas enfrentados pelos idosos e mostrando a necessidade de se garantir condições que propiciem envelhecimento com dignidade. Surge o papel do cuidador, auxiliando o idoso com suas necessidades. Como é uma função de esforço físico e emocional, muitos dos cuidadores acabam se lesionando ou tendo desconfortos físicos por sobrecarga ou meramente por não saberem manipular o idoso dependente. Esta pesquisa aborda sobre os sintomas osteomusculares em cuidadores de idosos dependentes, tendo como objetivo analisar os sintomas osteomusculares que mais acometem os cuidadores de idosos dependentes na região das gêmeas do Iguaçu. Esta pesquisa trata-se de um estudo transversal descritivo, de natureza quantitativo, com 45 cuidadores com idade entre 30 a 70 anos de ambos os sexos que foram selecionadas de forma aleatória. Os instrumentos utilizados foram um questionário para traçar o perfil do cuidador, o Questionário Nórdico Esquelético e WHOOQO Bref para avaliar a qualidade de vida. Nos resultados, o sexo feminino predominou entre os cuidadores com maior índice de escolaridade, ensino médio completo a grande maioria não ter parentesco com idoso cuidado e receberem salário. A região mais acometida por desconfortos osteomusculares foi a região parte inferior das cosas, seguida da região dos ombros. Na avaliação da qualidade de vida destes cuidadores, a média foi de 3,5 nos 4 domínios pesquisados, caracterizados como regular. Conclusão desta pesquisa nos mostra que os desconfortos osteomusculares predominaram na região inferior das costas e ombros influenciando a qualidade de vida destes cuidadores que teve o predomínio do sexo feminino. Palavras-chave: Idoso. Cuidador. Sintomas osteomusculares. Qualidade de vida.


Abstract:

Não Informado


Ano:

2020


Páginas:

Não Informado


https://acervo.uniarp.edu.br/?p=962
PDF:
Download

Indexado em: maio 26, 2021
Cursos Associados: Mestrado Acadêmico em Desenvolvimento e Sociedade
Tags Associadas: Nenhuma Tag associada a publicação