Título da Dissertação:

“NÍVEL DE ENGAJAMENTO DE UMA EMPRESA EM PROCESSO DE TRANSFORMAÇÃO CULTURAL”


Autores:

Daniel Jose Tenconi


Orientadores:

Prof. Dr. Adelcio Machado dos Santos (Orientador) – PPGDS/UNIARP


Palavras-Chave:

1. Engajamento no trabalho 2. Gestão de pessoas 3. Indivíduo-organização.4. Capital intelectual. I. Santos, Adelcio Machado dos. II. Hulse, Levi. III.TÍTULO.


Resumo:

O estudo teve por objetivo investigar o nível de engajamento de uma empresa em processo de transformação da cultura organizacional. Mais especificamente, entender como se desenvolveu e evoluiu, além de mensurar o engajamento dos colaboradores no ambiente corporativo. Propomos para isso, o uso da Escala de Engajamento no Trabalho (EEGT) – ferramenta com comprovação científica - para verificar o escore médio e identificar a realidade da empresa via construtos do Fator 1 e Fator 2, dados esses validados através da identificação do perfil médio dos profissionais. A situação organizacional foi estudada por meio da aplicação de formulário junto a uma amostra de 207 profissionais com base no gênero, faixa etária, escolaridade, regime de contrato, cargo, tempo na empresa, área de lotação e unidade de trabalho. As análises mostraram que o engajamento está relacionado às questões emocionais particulares de cada professional. Conforme a ferramenta usada para mensurar o nível de engajamento da empresa, foram analisadas questões relacionadas ao sentimento dos respondentes em relação à energia, concentração, vigor, disposição, separação dos problemas pessoais durante o expediente, foco nas atividades desenvolvidas, sensação de fortalecimento e renovação no ambiente de trabalho mediante as tarefas realizadas na organização. Os resultados da pesquisa apontaram os fatores que podem interferir no engajamento profissional, ressaltando a relevância de investimentos por parte das empresas nesta área. Deste modo, o engajamento passa a ser visto sob um aspecto mais técnico sendo inclusive, vinculado às questões individuais dos colaboradores de uma empresa. E, muito embora, tenha sido possível traçar o perfil ideal do profissional engajado, por meio do cruzamento de dados resultados da pesquisa, nenhuma combinação condiz à realidade práticas. Consequentemente, é validada a trajetória obrigatória de toda e qualquer empresa de avaliar e fomentar ações contínuas em busca desse objetivo. Da mesma forma, também é apontada a necessidade de rever estratégias para oportunizar a identificação mais positiva de cada profissional dentro da organização e construir uma cultura organizacional efetiva. Seja em relação ao propósito da empresa em que o colaborador atua, seja perante as atividades desenvolvidas, quanto a respeito de si mesmo. Palavras-chave: Engajamento no trabalho. Gestão de pessoas. Indivíduoorganização. Capital intelectual.


Abstract:

Não Informado


Ano:

2020


Páginas:

114


https://acervo.uniarp.edu.br/?p=2311
PDF:
Download

Indexado em: agosto 27, 2021
Cursos Associados: Mestrado Acadêmico em Desenvolvimento e Sociedade
Tags Associadas: Nenhuma Tag associada a publicação